O relógio do árbitro já virava para 44 e o fim do jogo era próximo. Mas Otero, de falta, acreditou até o fim e deu os três pontos ao Atlético. Em duelo truncado, na tarde deste domingo, no Moisés Lucarelli, o time mineiro venceu a Ponte Preta, por 2 a 1, de virada, graças à pintura do venezuelano. O resultado deixa o time mineiro na 11ª colocação, com 29 pontos conquistados.

O Campeonato Brasileiro está muito disputado. No início da rodada, o torcedor atleticano tinha o medo de não vencer e entrar na zona de rebaixamento, dependendo da combinação de resultados poderia acontecer. A vitória deixa o Atlético-MG a apenas dois tentos do G6.

O jogo foi bastante truncado, com as equipes travando o duelo no meio campo, sobretudo, no primeiro tempo. A etapa final foi mais aberta. Nos dois tempos o Atlético-MG foi superior, algo que foi fundamental para conseguir os gols necessários.

O Atlético-MG volta a campo pelo Brasileirão no sábado (9), na outra semana, contra o Palmeiras, às 16h (de Brasília), no Independência. A Ponte Preta enfrenta o São Paulo, no mesmo dia, no Morumbi, às 19h.

Primeiro tempo – tabela brasileirão

A partida começou bastante truncada. O jogo era bastante travado no meio de campo, com as duas equipes encontrando dificuldades em criar jogadas mais claras de gol. Com este cenário, no entanto, o Atlético-MG era o time que permanecia mais tempo com a bola, dominava o jogo e pouco sofria sustos.

O Atlético-MG, porém, encontrava dificuldades na saída de bola. A Ponte deixou o meio campo cheio e a saída por este setor era prejudicada. Com o excesso de bolas deixadas com a zaga, sobretudo, com Bremmer, Gilson Kleina encontrou ali uma oportunidade para agredir.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *